Vereadora fez promessa de dividir meio a meio com a população e quando ganhou eleição sumiu da comunidade. Eleitor foi direto na politica cobrando piranha no gabinete, entrou na sala e socou fundo na vereadora loira. Cafajeste foi no cartório dando desculpa que iria assinar documento com vereadora, cobrou voto com sexo sem compromisso.
Assistir